fbpx

AGRESTE TEX, um Movimento Têxtil que certifica Caruaru

A Agreste Tex se mostra em importância e em resultados econômicos

 

E não é de agora que o polo têxtil pernambucano do semiárido o é tendo Caruaru como estação primeira.

Com o evento Agreste Tex em sua 7ª Edição, sob organização do Febratex Group, o ano 2024 mostra que Caruaru tornou-se o ponto-zero das confecções pernambucanas com uma produção estabilizada, enquanto surgem outras referências regionais além de Santa Cruz do Capibaribe e de Toritama, esta última em estado de calamidade urbano-paisagística…, o que mostra a incompetência do serviço público face ao desempenho industrial. As empresas pagam impostos para quê?! Uma feira têxtil como a Agreste Tex não é apenas um evento, é uma oportunidade para pessoas de todo o mundo olharem o semiárido na sua realidade geossocial, não somente industrial.

É verdade que a Agreste Tex não é solução para os problemas do semiárido, mas ela permite diálogos institucionais, tanto que Caruaru corresponde institucionalmente ao que dela se aguardou em 7 anos de eventos.

E nesta 7ª Edição, eis que a Agreste Tex se mostra em importância e em resultados econômicos como uma das feiras setoriais de maior relevância no Brasil.

 

 

João Barcellos

Revista IMPRESSÃO & CORES

KOTY MKT DIGITAL

Revista jCORPUS

João Barcellos

João Barcellos

Escritor (literatura ficcional, historiográfica, tecnológica), Pesquisador de História e Conferencista, é português (1954) com livros publicados em diversos países, e tem o Brasil como sede enquanto "fazedor de conteúdos". Editor e cofundador das revistas Impressão & Cores, Jornal Corpus, e da agência Koty Marketing. É cofundador do Grupo de Debates Noética (Brasil / América Latina) e membro-representante do Centro de Estudos do Humanismo Crítico (Portugal), coordena as coletâneas Palavras Essenciais e Debates Paralelos, com 16 e 17 volumes.